A difícil missão de conduzir colaboradores a cumprirem os objetivos programados


As reclamações mais recorrentes de donos e negócios na gestão da empresa estão relacionadas com o quadro de colaboradores e o não cumprimento de objetivos ou demandas que compõem as rotinas. Isso desencadeia uma série de conseqüências e frustrações que se tornam difíceis de resolver.

 

Tempo, Equipe e Dinheiro são as grandes frustrações dos donos de negócios. Essas três frustrações possuem uma relação muito íntima e quando uma vai mal, com certeza as demais já estão piores ou à beira de entrar no caos.

 

A razão da existência da empresa é o desejo do empresário de ter um negócio bem sucedido e rentável. Isso passa pela estruturação de equipes eficientes e que cumpram os seus objetivos em relação à produção, ao atendimento aos clientes e principalmente em relação às metas de vendas. Portanto, formar equipes motivadas e comprometidas passa a ser o foco das lideranças.

 

O comprometimento e a motivação estão relacionados com a capacidade de entender o negócio, assumir riscos e responsabilizar-se por objetivos ou metas. O papel da liderança, seja por parte do empresário ou dos gestores de departamentos, é fundamental para que haja o comprometimento individual e da equipe como um todo. Equipes comprometidas geralmente contam com líderes que exercem forte papel na definição de direções e objetivos, proporcionam oportunidades para fluir a criatividade e impulsionam a carreira de seus subordinados.

 

Veja a seguir os passos essenciais para conquistar e manter o comprometimento dos funcionários para o alcance das metas. Lembre-se que todos buscam crescimento pessoal, transforme em realidade o orgulho de cada funcionário pela empresa.

 

Tenha um plano de trabalho

Defina suas metas e recursos para um período de 3 meses, 6 meses e 1 ano. Revise periodicamente, discuta o andamento do plano nas reuniões com as equipes, valorize opiniões e comemore os resultados. Os funcionários precisam saber o quanto foram importantes para o atingimento dos resultados.

 

Promova a colaboração

Passamos mais tempo no ambiente de trabalho do que com a própria família. Promova a colaboração, a cordialidade e a amizade entre os colegas de trabalho. As pessoas precisam sentir-se satisfeitas com o ambiente onde estão – isso em termos de estrutura física e companhias.

 

Crie lideranças fortes

Inspire confiança nos gestores da sua empresa. Os funcionários precisam estar seguros de que suas carreiras estão em boas mãos. Cada líder deve atuar como um mentor de cada funcionário, promovendo aprendizagem, orientação e visão profissional. Pense que no futuro os funcionários irão dizer que alcançaram determinado nível profissional graças a um chefe que orientou e ajudou na ampliação dos conhecimentos e fixação de metas para a carreira.

 

Distribua tarefas com clareza

Dê instruções claras e possíveis de serem realizadas, para que percebam que se trata de orientações que podem resultar em sucesso para a empresa a curto, médio ou longo prazo. Acompanhe o cumprimento das tarefas e esteja disponível para auxiliar antes que a falta de compreensão ou dificuldade se torne um problema complicado de resolver. Lembre-se que ser líder é ter disponibilidade cada vez que a equipe precisar.

 

Crie programa de recompensas

Os padrões de remuneração acompanham dissídios de categorias profissionais ou os níveis médios do mercado. Crie programa adicional de recompensas ou remuneração variável por produtividade e cumprimento de objetivos. Permita que os funcionários compartilhem dos lucros do seu negócio cada vez que alcançarem objetivos ambiciosos. Faça-os sentirem-se “donos” de um pedaço da sua empresa.

 

Coloque em prática as dicas acima, organize e sistematize o seu processo de conquista e manutenção de clientes e terá realizado o sonho de ter um negócio bem-sucedido: uma empresa rentável e preparada para funcionar sem o seu dono!

 

Autor: Coach Marcos Biaggio